domingo, 30 de janeiro de 2011

Coisas Frágeis



Uma coletânia de contos de Neil Gaiman, por si só, já é um excelente motivo para se dedicar à leitura. Acho que contos são uma forma espetacular de literatura - curtos, sem a chamada "barriga" que algumas histórias apresentam lá pelo meio da narrativa; tão deliciosos quanto um bom shot de tequila (e, como tal, podem acabar deixando vontade de mais). 
Quando se encontra alguma surpresa numa coleção, então, é quase como ganhar na loteria. Existe, por exemplo, uma história "escondida" do universo da Torre Negra, numa coletânea de Stephen King. Este Coisas Frágeis nos presenteia com uma história de Shadow, protagonista de Deuses Americanos (que, como podemos relembrar aqui, é algo que eu escolheria como um livro preferido, se tivesse que escolher um). Então, posso afirmar sem a menor sombra de dúvida que apenas este conto, com a oportunidade de "rever um bom amigo", já torna esta coletânea indispensável para mim. Não leu Deuses Americanos? Bem, nem tudo está perdido. O conto em questão - O Monarca do Vale - é perfeitamente compreensível, sem a necessidade de nenhum conhecimento prévio da história de Shadow (mas pode estragar uma surpresa ou duas, se você resolver ler Deuses Americanos depois).

Quer mais motivos? Que tal Sir Sherlock Holmes tentando desvendar um assassinato numa Inglaterra ambientada nas histórias de Lovecraft - e seus horrores antigos? Há também Golias, escrito para o site de um filme ainda por estrear, chamado Matrix (conhece?); pura ficção científica. Como Conversar Com Garotas Em Festas é um conto sobre 1977 e o movimento punk.

No Brasil, a coletânea saiu dividida em duas partes. Este é o primeiro volume; o segundo ainda está na minha "pilha de livros aguardando" - e deve aparecer aqui no Fala Livros em algum momento futuro... Sem me prolongar demais (como um bom conto), Gaiman mantém sua boa performance, mostrando-se novamente um excelente contador de histórias. Um livro que vale à pena.

Editora: Conrad
Autor: Neil Gaiman
Ano: 2006
Páginas: 205

Comente usando o seu perfil no Facebook!

Nenhum comentário:

Postar um comentário